Comidinhas

As delícias premiadas

Uma série de surpresas compõe a seleção de 158 endereços. A começar pelo melhor café, título conquistado pelo novato Ateliê de Grão, com pouco mais de um ano em funcionamento. Outro estreante é o Madero Burger & Grill, vencedor na recém-criada disputa de hambúrguer. Mas também há espaço para veteranos, caso da doceria Richesse e da pamonharia Frutos da Terra, ambas heptacampeãs em suas categorias. Boa leitura.

O melhor café

O expresso campeão: aromas e sabores tonificados

Ateliê do Grão

Bastou pouco mais de um ano em funcionamento para o Ateliê do Grão chegar ao topo desta categoria. O rápido reconhecimento é consequência do cuidado que os sócios Rodrigo Ramos e Leandro Perez, este também proprietário do Tribo Restaurante, investiram em cada detalhe do estabelecimento. Trouxeram de Seattle, nos Estados Unidos, uma máquina Slayer da cor azul-turquesa, que atrai os olhares dos clientes. “Ela realiza uma pré-infusão mais longa e depois extrai o café com menos pressão”, explica Ramos. “Tonifica os aromas e os sabores do líquido.” No cardápio, figuram três variações de expresso filtrado. O mais suave passa por um tipo de coador japonês chamado hario (R$ 8,00). Mais potente, o aeropress (R$ 7,50) combina o café coado com o expresso, num procedimento regulado a partir da pressão do êmbolo. De intensidade intermediária, a xícara com o líquido extraído na cafeteira francesa sai por R$ 7,50. Além deles, há outras seis variedades não filtradas, entre as quais se destacam o seattle, feito com duas doses de pó em 50 mililitros de água (R$ 6,35), e o ristretto, com apenas 15 mililitros de água e mais cremoso que o usual (R$ 3,65). Em comum, todos eles levam o blend com o nome da casa, preparado com grãos colhidos nos municípios de Unaí e Monte Carmelo, ambos na região do Cerrado Mineiro.

Rua 36, 354, Setor Marista, telefone 3226-0101. 8h/20h. Cc: A, D, M e V. Cd: M, R e V. Ar. banheiro para deficientes físicos internet sem fio www.ateliedograo.com.br.

O melhor doceria

A torta negresca: base de biscoito Negresco, creme de chocolate branco e frutas vermelhas (R$ 42,00 o quilo)

Richesse

A empresária Rita Faria Cascão tem motivos de sobra para comemorar neste ano. Não só festeja os vinte anos da Richesse, celebrados em setembro, como chega pela sétima vez ao topo desta categoria. Na unidade matriz, com 1 300 metros quadrados, ela comanda oitenta funcionários, responsáveis pela produção de todos os produtos distribuídos para as quatro lojas da rede. Um dos mais requisitados é o bolo dos anjos, recheado com brigadeiro branco, chantili e morango, coberto de marshmallow (R$ 42,00 o quilo). Pelo mesmo preço sai a torta negresca, que vem sobre uma base de biscoito Negresco com creme de chocolate branco e frutas vermelhas. Novidade do cardápio, o bombom de marzipã com palha negra (versão da palha italiana feita com biscoito Negresco) é vendido a R$ 3,50 a unidade. A linha de macarons reúne opções com pistache, limão, chocolate e framboesa (R$ 2,50 a unidade). Como alternativa aos doces, há caprichados salgados, a exemplo da torta romana, recheada de presunto, cream cheese, tomate seco e alcaparra, envoltos em uma massa incrementada com queijo parmesão (R$ 4,00). A torta de massa integral com recheio de frango e milho sai por R$ 4,50.

Alameda Dom Emanuel Gomes, 111, Setor Marista, telefone 3281-5444. 9h/20h (dom. 10h/19h). Cc: A, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento Ar. banheiro para deficientes físicos entrega em domicílio; Avenida República do Líbano, 1678, Setor Oeste, telefone 3223-9754. 8h/20h (fecha dom.). Cc: A, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento Ar. banheiro para deficientes físicos entrega em domicílio Mais dois endereços. www.richesse.com.br.

O melhor emporio gourmet

Itens importados, bebidas, frios e tira-gostos: o estoque reúne 18 000 itens

Empório Piquiras

As duas unidades do Empório Piquiras devem ganhar uma nova parceira até o fim de 2012, quando está prevista a inauguração de um terceiro endereço próximo ao Alpha Mall. Enquanto se dedica à construção, o proprietário, Marcelo Batista, mantém ativa uma rotina que atesta o frescor de boa parte dos cerca de 18 000 itens expostos nas prateleiras: toda quinta-feira, ele recebe um caminhão vindo de São Paulo com uma leva de produtos comprados na feira da Ceagesp e no Mercado Municipal. Azeitona preta grega (R$ 3,40, 100 gramas), estragão (R$ 13,34, 100 gramas) e anis-estrelado (R$ 5,88, 100 gramas) são vendidos a granel. Entre os queijos, há o holandês Cablanca, feito com leite de cabra (R$ 85,00 o quilo), o parmesão grana padano (R$ 89,00 o quilo) e o gouda (R$ 44,50 o quilo). Uma das novidades é o azeite extra virgem produzido pela vinícola italiana Biondi-Santi, vendido em garrafa de 750 mililitros (R$ 364,50). A seção de padaria apresenta pães como o australiano (R$ 15,60 o quilo), o de centeio com passas e nozes (R$ 17,80 o quilo) e o tradicional francês (R$ 8,70 o quilo). Na loja do Shopping Bougainville, o sommelier Sidney Lucas orienta os clientes em busca de uma garrafa de vinho. Uma das sugestões é o italiano Albino Armani Foja Tonda 2006 (R$ 97,90).

Shopping Buena Vista, piso térreo, Setor Bueno, telefone 3515-0600. 8h/22h (dom. até 16h). Cc: A, D, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento Ar. banheiro para deficientes físicos a q; Shopping Bougainville, piso térreo, Setor Marista, telefone 3945-9900. 8h/22h (dom. até 16h). Cc: A, D, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento Ar. banheiro para deficientes físicos internet sem fio entrega em domicílio www.piquiras.com.br.

O melhor hamburguer

Suculento e saboroso: o hambúrguer é preparado com picanha, bife de chorizo e fraldinha

Madero Burger & Grill

Numa das entradas do Goiânia Shopping, com vista para o Parque Vaca Brava, fica a única loja desta premiada rede paranaense na cidade. Tradicional no ramo das carnes, o restaurante segue o padrão estabelecido pelo afamado Júnior Durski, eleito duas vezes o chef do ano pelo júri de VEJA CURITIBA “Comer & Beber”. O cardápio reserva espaço para cortes nobres, a exemplo da picanha premium argentina (R$ 35,50 a peça de 350 gramas), e para lanches preparados com o hambúrguer da casa, uma combinação de picanha, bife de chorizo e fraldinha, feito no fogo alto em uma churrasqueira alimentada apenas com lenha pré-queimada. Na versão clássica, o lanche vai à mesa com queijo cheddar da marca inglesa Joseph Heller, salada orgânica e maionese artesanal, envolto num pão francês de formato arredondado e assado de meia em meia hora. Custa R$ 19,50 na versão com 180 gramas de carne e R$ 24,50 com 250 gramas. Com o adicional de bacon, os valores sobem para R$ 21,50 e R$ 26,50. Todos são escoltados por uma porção de batata frita, fininha e crocante. No início da refeição, vale provar a porção de palmito assado na brasa e temperado com flor de sal (R$ 26,50). Para encerrar, a sugestão é o petit gâteau de doce de leite servido com uma bola de sorvete da Häagen-Dazs (R$ 19,90). Outro diferencial de todas as unidades do Madero é a variada carta de vinhos. Aqui, cerca de 500 rótulos aparecem numa imponente adega climatizada, como o tinto português Fundação Eugênio de Almeida 2008 (R$ 79,00).

Goiânia Shopping, 1º piso, Setor Bueno, telefone 3233-3090 (108 lugares). 11h30/14h30 e 19h/23h (sáb. 12h/23h; dom. e feriados 12h/22h). Cc: A, D, M e V. Cd: , R e V. estacionamento Ar. vinho em taça taxa de rolha (R$ 40,00) internet sem fio entrega em domicílio www.restaurantemadero.com.br. Aberto em 2009. $$$

A melhor padaria

Misto de panificadora e empório: gama de produtos variados

Della

Pães, doces, roscas e bolos de produção própria destacam-se entre os balcões desta rede de padarias. A loja da Avenida C-4, no Setor Jardim América, também funciona como empório e reúne uma gama de produtos variados, que inclui um setor dedicado apenas a utensílios domésticos. Dos fornos saem receitas como a do pão com nozes (R$ 16,50 o quilo), a ciabatta (R$ 18,00 o quilo) e o tradicional francês (R$ 8,90 o quilo), preparado de meia em meia hora. Na mesma frequência é assado o pão de queijo, vendido a R$ 21,90 o quilo. O pão de milho, o brioche (R$ 15,89 o quilo de cada um) e a rosca de banana com chocolate (R$ 18,50 o quilo) distinguem-se entre as variedades doces. No chá colonial, servido diariamente a partir das 16h, esses e outros itens aparecem na companhia de uma variada tábua de frios, omeletes, panquecas e salada de frutas (R$ 28,90 o quilo). Após as 18h, entra em cena o bufê de massas, no qual o cliente pode escolher entre opções como espaguete, penne e fettuccine (R$ 23,90 o quilo). A torta de bombom Sonho de Valsa com morango custa R$ 32,90 o quilo.

Avenida C-4, 40, Jardim América, telefone 3089-4500. 6h/23h. Cc: A, D, H, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento Ar. banheiro para deficientes físicos internet sem fio entrega em domicílio; Avenida T-63, 116, Praça Nova Suíça, Setor Nova Suíça, telefone 3251-6705. 6h/23h. Cc: D, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento banheiro para deficientes físicos entrega em domicílio www.dellaemporio.com.br.

A melhor pamonha

A especial: com frango, guariroba, pimenta e queijo (R$ 4,50)

Frutos da Terra

Praticamente uma instituição no que se refere a um dos quitutes mais típicos da culinária regional, a pamonharia Frutos da Terra repete o feito dos anos anteriores e conquista o sétimo título consecutivo da categoria. Pincelada do caderno da matriarca Ione Oliveira Lobo, a receita original foi mantida ao longo dos anos por sua filha, Elcymar Lobo Figueiró, uma das proprietárias do estabelecimento. Preparada em quatro remessas diárias — de manhã, às 11h, à tarde, às 15h e às 18h, e à noite, às 20h —, a pamonha aparece listada no cardápio em dez variedades. Nas duas lojas da marca, é comercializada diariamente uma média de 1 800 unidades do produto. Uma das novidades do cardápio é a versão incrementada com jiló (R$ 4,50). Pelo mesmo preço saem a especial, com frango, guariroba, pimenta e queijo, e a de açúcar com catupiry. Já a versão da pamonha assada vai à mesa com presunto, linguiça, pimenta e queijo (R$ 2,50). A casa também serve empadão goiano (R$ 13,00) e a chamada xica doida: creme de milho com bacon e calabresa (R$ 14,00). O potinho de curau, para encerrar, custa R$ 3,00.

Avenida Perimetral, 2100, Setor Coimbra, telefone 3233-1507. 11h/23h. Cc: D, H, M e V. Cd: M, R e V. E Ar. internet sem fio entrega em domicílio; Avenida T-11, 411, Setor Bueno, telefone 3281-4049. 11h/23h. Cc: D, H, M e V. Cd: M, R e V. estacionamento internet sem fio entrega em domicílio www.pamonhariafrutosdaterra.com.br.

O melhor salgado

Pão de queijo, coxinha, americano e enroladinho de salsicha: quitutes campeões

J. Pereira

Aberta em 1963 por José Pereira Cardoso, a J. Pereira mantém-se presente até hoje no cotidiano da capital. Numa lojinha rústica e sem lugar para sentar-se, ele conta com a ajuda do filho Hermógenes Pereira, que se divide entre a cozinha e o atendimento, e da neta Vanessa Pereira. Juntos, eles recebem os clientes, que começam a formar fila cedinho, a partir das 6h, para pegar o pão de queijo, sempre quentinho (R$ 1,00 a unidade). O mesmo se repete à tarde, entre 14h e 18h, quando os frequentadores que se aboletam no balcão provam delícias a exemplo da esfiha de carne, levemente apimentada, da coxinha de frango com catupiry e do pastelão de carne com palmito, ervilha e queijo, vendidos por R$ 2,00 cada um. Quem não dispensa um docinho tem entre as opções a rosca húngara, de açúcar com coco, e a brevidade, uma espécie de pão com massa doce e um toque de limão (R$ 1,00 cada um). Para beber, há sucos de abacaxi, acerola, caju, goiaba, laranja, maracujá e tamarindo (R$ 3,00 cada um). Café (R$ 0,50), pingado e chocolate quente (R$ 2,00 cada um) são preparados exclusivamente por José, hoje com 85 anos. Mesmo comandadas por integrantes da mesma família, as lojas da marca Biscoitos Pereira trabalham com receitas e produtos diferentes dos da unidade matriz.

Rua 55, 458, centro, telefone 3223-3352. 5h30/18h (sáb. até 12h; fecha dom.).

O melhor sorvete

Chocolate e morango: duas pedidas tradicionais preparadas em maquinário italiano

Crema e Cioccolato

A bandeira da Itália pendurada numa das paredes entrega a nacionalidade do trio de proprietários — todos vindos de Milão. Foi lá que Andrea Elio Raffaghello comandou sua primeira sorveteria. Em Goiânia, ele deu continuidade ao empreendimento num imóvel instalado na Avenida T-11, que conta com uma disputada área avarandada. Processados em maquinário italiano, os gelados são feitos a partir de três bases: leite, chocolate e água. Das 400 receitas elaboradas pelo trio, distinguem-se a de cookie com calda caramelada, a de avelã com chocolate amargo e as de açaí, maracujá, amora e graviola. Todos saem pelo mesmo preço na casquinha ou no copinho: R$ 4,00, uma bola; R$ 7,00, duas bolas; e R$ 8,50, três bolas. Na versão de soja ou diet, esta sem açúcar e preparada com leite desnatado, os preços sobem para R$ 5,00, R$ 7,50 e R$ 9,00. Para incrementar os sorvetes, há chantili (R$ 2,00), chocolate quente e frutas em pedaços (R$ 2,50 cada porção). Sugestão entre as bebidas, o frapê é um milk-shake feito com sorvete, calda de chocolate, farofa de castanha-de-caju e chantili (R$ 6,50).

Avenida T-11, 297, Setor Bueno, telefone 3088-6331. 12h/23h (sáb. e dom. a partir das 11h). Cd: M, R e V. banheiro para deficientes físicos atividades para crianças internet sem fio; Avenida São João, 187, Alto da Glória, telefone 3921-0004. 12h30/22h30 (sáb. e dom. a partir das 12h). Cd: M, R e V. estacionamento banheiro para deficientes físicos atividades para crianças internet sem fio www.cremacioccolato.com.br.

VEJA paga todas as suas despesas na produção das revistas e na avaliação dos estabelecimentos, não aceitando qualquer tipo de cortesia. Nenhuma taxa é cobrada dos endereços indicados na edição impressa, no site ou nos aplicativos — apenas critérios editoriais são aplicados na escolha e avaliação dos lugares. Pessoas ou empresas que comercializam placas ou qualquer outro tipo de prêmio usando o nome VEJA Comer & Beber podem ser denunciadas pelo e-mail vejabrasil@abril.com.br para que sejam tomadas medidas legais contra elas.